O que é preciso para internacionalizar o seu negócio em Portugal

Tempo estimado de Leitura: 7min

Postado em 1 de junho de 2021 /
Compartilhe:

Uma etapa bastante sonhada por empresários brasileiros é a possibilidade de internacionalizar o seu negócio, atravessando fronteiras e tornando a marca em uma multinacional. Um sonho que, bem, pode se tornar realidade!

Para muitos esse parece ser um projeto tão distante, para outros, apenas mais um desafio a ser trabalhado. A verdade é que a internacionalização de empresas acontece com mais frequência do que você imagina. E nós, da Atlantic Hub, temos a expertise necessária para ajudar empresários interessados nesse projeto, como você.

Esse, sem dúvidas, é um caminho prazeroso e que vai trazer grandes resultados. Mas, não dá para simplesmente de um dia para o outro decidir internacionalizar o seu negócio e embarcar para algum país estrangeiro. É preciso um certo preparo, consciência e planejamento.

Então, para te ajudar a organizar as ideias e tirar esse projeto do papel, aqui vai um conteúdo com o que é preciso para internacionalizar o seu negócio.

 

 

Para internacionalizar o seu negócio a partir de Portugal

O primeiro ponto é ter consciência do mercado no mundo, dos países que abrem oportunidade para estrangeiro com os melhores incentivos e possibilidades. E, bem, já faz alguns anos que Portugal se tornou um país queridinho para empresários – não só brasileiros, mas do mundo todo.

Já falamos muito sobre isso por aqui, mas para quem chegou agora: Portugal está de portas abertas para estrangeiros que, de alguma forma, vão ajudar a movimentar a economia local. Ponto mais do que positivo para considerar o país.

Além disso, Portugal também oferece incentivos financeiros, uma economia de primeiro mundo, funciona como uma porta de entrada para um continente europeu, fora os benefícios de moradia, segurança e qualidade de vida que são conquistadas junto com a mudança para lá.

Se quiser entender as vantagens que o país europeu oferece com mais detalhamento, sugiro a leitura desse conteúdo: “Por que Portugal”, em que explicamos o cenário atual e como ele favorece empresários, seja para internacionalizar o seu negócio ou para abertura de um novo.

http://www.atlantichub.com/2019/07/12/por-que-portugal/

 

 

Atravessando fronteiras com a sua empresa

Agora que você já sabe para onde partir e o cenário mercadológico mundial, é preciso entender os demais passos que são fundamentais para deixar sua empresa pronta para o processo de internacionalização.

Conhecer o segmento do seu negócio e como ele funciona no exterior

Vamos lá, a começar por entender qual segmento você atua ou pretende atuar no país estrangeiro, isso vai ser determinante para entender as chances de ter sucesso ou não. Esse ponto está muito relacionado com o comportamento do consumidor local.

Isso porque, ao se tratar de um país estrangeiro, tudo muda. Clima, gostos, alimentos e tantos outros fatores. E por esse motivo, um produto que faz muito sucesso aqui no Brasil, não necessariamente fará sucesso em Portugal. Portanto, pode colocar esse item no seu check-list.

Entender a cultura local

Esse item tem muita relação com o apresentado anteriormente, mas que merece destaque. O comportamento do consumidor local está muito relacionado com a cultura de um país.

Para explicar melhor, aqui vai um exemplo a ser considerado: o país que você pretende internacionalizar o seu negócio é adepto ao formato e-commerce? Sabendo isso, é possível ter um direcionamento de como estruturar a empresa e formato de venda.

Ou então, a cultura local permite o uso de determinado acessório ou serviço? Com que periodicidade? Outro exemplo interessante: roupas de praia. A Europa é conhecida pelo seu clima frio e inverno mais longo, portanto, é necessário entender sobre o período de vendas desse tipo de roupa, entender como funciona o verão por lá e tantos outros fatores que podem ser fundamentais.

Um conteúdo complementar para te ajudar nesse item:

https://www.atlantichub.com/2021/01/12/diferencas-culturais-que-o-brasileiro-deve-saber-para-empreender-em-portugal/

Análise dos concorrentes

Outro item indispensável – seja para internacionalizar ou abertura de empresa em qualquer fase – é conhecer os concorrentes. Análises importantes a serem consideradas: preço já estabelecido, como eles atuam, onde atuam, a comunicação feita, os pontos fortes, as fraquezas, enfim. Conhecer o território mesmo.

Essas informações fazem, inclusive, parte da análise SWOT, sempre utilizada para validar um projeto ou uma empresa. E para levar sua empresa para Portugal não seria diferente.

 

 

Entender o cenário financeiro, incentivos existentes e mais

Para complementar essa lista, por se tratar de um país estrangeiro, é importante também entender mais sobre a economia local voltada para empresas. Quais são as vantagens oferecidas? E incentivos, existe? Quem pode recorrer?

Além desses itens, totalmente voltados para o lado financeiro, recomendamos que entenda também as possibilidades de vistos e permissões de residência. Para Portugal, há diversas opções que facilitam o processo e dão a oportunidade de morar por lá enquanto o projeto é realizado. Para investidores, aposentados, empresários. Vale a pena entender em qual desses você pode se encaixar.

Um documento completo e decisivo

A boa notícia é que há um serviço completo que te ajuda a desvendar todos esses itens listados. E o melhor: por pessoas que entendem sobre o assunto e estão presentes em Portugal. Ou seja, uma pesquisa personalizada para você e sua empresa, realista e atualizada.

Para entender mais sobre o Market Fit e como ele pode te ajudar, entre em contato através desse link:

https://materiais.atlantichub.com/seu-produto-ou-servico-tem-mercado-em-portugal

 

Compartilhe:

Posts Relacionados


Advogar em Portugal: Como são as oportunidades no exterior

Advogar em Portugal pode representar uma boa oportunidade para quem está pensando em migrar para outro país exercendo sua atividade. Read more

Missão Web Summit 2021

Anos atrás, em meu primeiro Web Summit em Portugal, fui tomado por tantas sensações que tenho até dificuldade em lembrar Read more

Como se tornar um bom franqueador?

Se você está a procurar um artigo para falar sobre como se tornar um franqueador, é muito claro que você Read more

Ampliando os horizontes com uma viagem

Uma viagem jamais deveria ser vista apenas como um local que iremos conhecer. Uma viagem representa em diversas situações uma Read more