Portugal hoje: os números da vacinação no país europeu

Tempo estimado de Leitura: 6min

Postado em 15 de setembro de 2021 / ,
Compartilhe:

Até o momento, já foram administradas 13.581.835 doses da vacina contra a COVID-19 em Portugal

Segundo os últimos dados disponibilizados por órgãos de saúde como o Ministério da Saúde, Secretaria Regional da Saúde e Desporto dos Açores e pela Secretaria Regional da Saúde e Protecção Civil da Madeira, 72% dos portugueses já estão completamente vacinados contra o coronavírus.

Ou seja, o país já pode dizer que, pela quantidade de cidadãos vacinados, atingiu a imunidade de grupo. Com novas vacinas já sendo desenvolvidas e uma maior produção delas, o ritmo de vacinação vai só aumentar.

Portugal era até o último mês o 17º país com a maior taxa de doses administradas por 100 habitantes do mundo.

 

 

Em qual fase da vacinação se encontra Portugal?

Portugal traçou um plano de vacinação em três etapas. O primeiro grupo a ser vacinado foi o de profissionais da saúde e aqueles que corriam maior risco de contaminação. Na segunda fase, a população idosa recebeu o imunizante. A terceira fase é dedicada ao restante da população. 

O país já se encontra no final da terceira fase de seu plano. Na prática, o país já está próximo da imunidade de grupo, mas não é possível afirmar com certeza. 

A vida cotidiana mudou muito desde a pandemia, não sendo possível traçar uma previsão quanto ao comportamento do vírus quando todas as rotinas forem restabelecidas. 

Até o momento, o país registrou mais de 1.009.571 casos, com aproximadamente 17.601 mortes e 947.465 recuperados. 

Campanhas de vacinação efetivas

Os números da vacinação nos mais novos são animadores, pois dos 12 aos 19 anos, 74% já conta com a primeira dose. 

O processo está mais avançado nas restantes faixas etárias, com mais de 80% dos portugueses a quem já foi administrada pelo menos uma dose. Os resultados já começam a refletir: a nível mundial, Portugal posiciona-se agora em 5.º lugar e está em 2.º entre os países da União Europeia, onde a média da vacinação é de 57%.

De acordo com o mais recente relatório de vacinação da Direção-Geral da Saúde (DGS), Portugal tem 72% da população residente com o ciclo vacinal completo e 80% com pelo menos uma dose da vacina. 

Haverá também nova ronda de “Casa Aberta” para todos os portugueses, ao mesmo tempo a que os jovens com a primeira dose terminam o processo de vacinação.

A coordenação da operação nacional de vacinação contra a covid-19 anunciou que a partir da data as pessoas poderão vacinar-se em qualquer centro de vacinação de Portugal desde que obtenham uma senha digital para a modalidade “Casa Aberta” (sem marcação por auto agendamento).

Passou igualmente a ser possível escolher o centro de vacinação para a toma da segunda dose da vacina, mas essa opção tem de ser feita logo no dia em que se recebe a primeira dose.

É possível acompanhar o ritmo acelerado da vacinação dos habitantes através do site do Ministério da Saúde Português (https://covid19.min-saude.pt/vacinacao-covid/)

Quais os documentos necessários para se entrar em Portugal?

Após a normalização da situação, o país certamente receberá muitos turistas e cidadãos buscando se estabelecer no país. Confira os documentos básicos necessários para entrar no país:
Passaporte válido, a validade deve ser superior a 3 meses após a sua data de saída da Europa;
Seguro de viagem internacional com cobertura para toda a sua estadia no país ou PB4;
Passagens de ida e volta;
Comprovante de onde ficará hospedado durante as férias (reserva do hotel) ou carta convite de um parente que irá recepcioná-lo;
Comprovante de que tem condições financeiras de se manter no país durante a viagem.

Quem pode entrar no país?

Atualmente, cidadãos brasileiros só podem entrar em Portugal se conseguirem provar que têm laços familiares, profissionais, humanitários ou acadêmicos com o país. Na chegada é necessário apresentar um teste RT-PCR negativo para a COVID-19 e cumprir a quarentena obrigatória de 14 dias. 

 

 

Portugal, assim como todos os países atingidos pela pandemia do coronavírus, vem sofrendo grandes mudanças. Embora ainda seja cedo para afirmar quais serão definitivas ou não, este artigo pode ajudar você a entender melhor a situação no país:

https://www.atlantichub.com/2021/07/16/o-comportamento-do-consumidor-em-portugal-apos-a-pandemia/ 

As mudanças sofridas no cotidiano dos cidadãos que habitam o país não dizem respeito apenas às medidas de segurança adotadas após a pandemia, mas também a todas as questões econômicas que surgiram com a crise, além de mudanças no comportamento da população e na forma como as pessoas estão se relacionando.

Para ter acesso a mais novidades sobre Portugal, siga a Atlantic Hub nas redes sociais: Instagram, Facebook e LinkedIn.

Compartilhe:

Posts Relacionados


Portugal e Europa Pós-Covid-19

Cenários possíveis para preparar sua empresa no presente para a internacionalização no futuro   Em dezembro de 2019 foi anunciada Read more

Portugal cria linha de financiamento para auxiliar empresas afetadas pelo CoronaVírus/COVID-19

Governo Português convocou uma reunião extraordinária da Comissão Permanente de Concertação Social, para debater medidas de apoio às empresas afetadas Read more

Atlantic Station: um novo hub de negócios e networking em Portugal

Uma collab entre Martinhal e Atlantic Hub Imagine contar com um lugar recém-inaugurado para sua chegada em Portugal? É isso Read more

Afinal, o que é o Franchising?

Afinal, o que é o Franchising? Aqui vai uma breve história Se você é brasileiro, muito provavelmente, pela influência americana, Read more