MBA para internacionalizar em Portugal

Tempo estimado de Leitura: 10min

Postado em 16 de novembro de 2021 /
Compartilhe:

Uma formação sempre é uma boa opção para adquirir conhecimento. São inúmeras as formas de fazê-lo. Cursos universitários, pós-graduação, Mestrado, Doutorado, cursos on-line, enfim, são tantas possibilidades que seria difícil enumerá-las.

A questão sobre buscar novas formações poderia estar relacionada ao quanto conseguimos pôr em prática o que aprendemos na teoria. Mas você acredita mesmo que na grande maioria das vezes colocamos em prática o que aprendemos?

Pois bem, quando falamos em internacionalizar em muitos casos os cursos que existem estão muito focados na teoria e nos desafios burocráticos. Não que isso seja pouco, existem realmente grandes desafios quando falamos em relacionamentos comerciais entre nações.

Mas como fica quando estamos, na verdade, envolvendo nossas famílias e nossas empresas que também tem como projeto de vida algo inter-relacionadas com tudo que fazemos?

Pensando justamente nesses pontos que acabei de mencionar, começamos há algum tempo a refletir muito em função das demandas que, além de serem evidentes para mim, nasciam por sua vez dos medos e inseguranças de muitos dos nossos contatos e clientes. 

Um processo de internacionalização não nasce sem que tenhamos logo no início um projeto consistente de vida. Claro que se seu desejo é trabalhar no exterior, talvez este texto não faça muito sentido.

Atuamos há quase seis anos auxiliando empresários, com suas empresas e famílias a internacionalizarem a partir de Portugal para o mundo. Este é nosso core business e inteligência de mercado. 

Neste artigo, você poderá compreender como um novo movimento que estamos criando poderá ajudá-lo na realização deste projeto. 

Mas como normalmente tenho dito ao longo dos mais de cem artigos que já escrevi sobre o tema Portugal, você já combinou com a sua família? 

 

 

UM GRUPO COM O MESMO PROPÓSITO

Existem muitos grupos de negócios para todos os segmentos e setores. Encontrar um grupo que você possa fazer networking não é algo complexo ou difícil.  

Entendo que a questão central deste ponto é o nosso tempo. Estamos cada vez mais com a sensação de que ele passa a uma velocidade de cruzeiro.

Se ele é escasso e perecível como é de fato, por que empreender dedicação a algo que não agrega em nossa vida?

Bem, esta pergunta faço a todo momento que sou apresentado a algo novo. Não entro em nada que não faça sentido a um projeto que tenho. Mesmo assim, tenho levantado cada vez mais a barra para realmente participar do que é importante.

Ao longo dos anos, nas muitas missões para Portugal ou ainda com os empresários que trouxemos para Portugal, surgia a sensação de que poderíamos aproximá-los ainda mais. 

A dificuldade sempre recaia ao fato real de que não existem braços para todas as oportunidades e que no fundo, por mais que façamos conexões boas e verdadeiras, não éramos os mais especializados em criar tais grupos. 

Assim, continuávamos com a demanda, mas sem que uma solução aparente fosse construída. E mais e mais interessados aos poucos se distanciaram das primeiras conexões que realizamos. 

O tempo, porém, sempre traz suas oportunidades, se bem que para percebê-las é necessário estar atento.

 

 

CONCEITO DE COMUNIDADE

Como grandes movimentos nascem de entusiastas e pessoas do bem, eis que muito recentemente começamos a trabalhar na construção desta nossa comunidade de interessados no tema Portugal.

Surgindo alguns objetivos basilares para que nossa comunidade começasse a ganhar seus contornos.

O objetivo comum entre todos os membros do grupo precisaria ser a vontade de investir ou continuar a investir em Portugal.

O conceito será criar comunidades de empresários com objetivo comum que desta forma estejam disponíveis a colaborar entre si, tanto em conhecimento como na contribuição através de meios próprios para o sucesso dos demais.

Neste contexto teremos dois grandes momentos nas reuniões que começamos a idealizar, são eles: primeiro momento, aprofundamento de um dado conhecimento específico e no segundo momento, o que chamo de Master Mind.

Este segundo momento guarda um dos pontos mais atraentes deste grupo. Atuar de forma sistemática para o auxílio em cada reunião de um determinado membro do grupo sendo definida a pauta de ações. 

Para entender mais em detalhes, convido você a acompanhar nossos convites para participar de reuniões temáticas. Tenho certeza que será impactado por nossas ações, mas caso não seja, fique à vontade para enviar um email para mim ou se inscrever no link que estará disponível no final deste artigo. 

Nesta comunidade deverá estar claro que como movimento, estaremos unidos na geração de oportunidades de negócio e parcerias. 

Desta maneira, como grupo, geramos novas possibilidades e como comunidade contagiamos os interessados no tema. 

 

 

METODOLOGIA CONSAGRADA

Como já havia comentado, não somos os especialistas na criação destes modelos de grupos focados em determinados temas. 

Mas como sócios desta jornada caminharemos juntos com o movimento criado pelo Nexus.

Metodologia consagrada com muitos anos de experiência e mais de dez grupos envolvendo quase duzentos empresários no Brasil credenciam o Nexus para este desafio em conjunto com nossa experiência em Portugal.

 

 

FOCO NO PROJETO PORTUGAL 

O foco central desta comunidade será agregar todos os interessados no tema em Portugal. Importante é enfatizar que não se trata de um grupo em que os interessados tenham como desejo vender seus produtos ou serviços para Portugal.

Não será um grupo de exportação, mas sim um grupo de interessados em Portugal e que tenham interesse em internacionalizar. 

Possamos ter empresas que exportam, mas não se trata de grupo em que interessados em vender seus produtos encontrem clientes.

Abrir uma empresa em Portugal é algo simples. Mas construir uma jornada de internacionalização é algo muito maior. 

Nesta comunidade, estes interessados juntos e com o auxílio de experientes no tema construíram os melhores caminhos para os membros. 

 

 

TROCA DE EXPERIÊNCIA COM QUEM JÁ ESTÁ EM PORTUGAL 

Talvez seja redundante dizer isso, mas temos enfatizado a experiência de Portugal nos envolvidos na liderança deste grupo e no dia a dia dos encontros. 

Tanto o Nexus como a Atlantic Hub nasceram em Portugal. Este sempre será o tema central dos encontros e dos momentos que nortearam o grupo.

Fica aqui minha pergunta a você. Portugal é relevante para ti? Pois bem amigo, venha bater um papo comigo e terei o maior prazer em ajudá-lo em sua jornada para as terras portuguesas.  Agende um momento para conversarmos e juntos discutiremos seu futuro em Portugal.

Forte abraço! 

 

Quer levar sua empresa para Portugal

 

Sobre o autor,

Benício Filho – Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC SP, com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pós-graduado em Vendas pelo Instituto Venda Mais, Mestrando pela Universidade Metodista de São Paulo na área de Educação e pós-graduado em Psicanálise pelo Instituto Kadmon de Psicanálise. Atualmente também está concluindo o curso de bacharelado em Filosofia pela universidade Salesiana Dom Bosco. Atua no mercado de tecnologia desde 1998. Fundador do Grupo Ravel de Tecnologia, Cofundador dá Palestras & Conteúdo, Sócio da Core Angels (Fundo de Investimento Internacional para Startups), sócio fundador da Agência Incandescente, sócio fundador do Conexão Europa e da Atlantic Hub (Empresa de Internacionalização de Negócios em Portugal), atua também como Mentor e Investidor Anjo de inúmeras Startups (onde possui cerca de 30 Startups em seu Portfólio), além de participar de programas de aceleração como SEBRAE Capital Empreendedor, SEBRAE Like a Boss, Inovativa (Governo Federal) entre outros. Palestrando desde 2016 sobre temas como Cultura de Inovação, Cultura de Startups, Liderança, Empreendedorismo, Vendas, Espiritualidade e Essência, já esteve presente em mais de 230 eventos (número atualizado em dezembro de 2020). É conselheiro do ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul), bem como em outras empresas e associações. Lançou em dezembro de 2019 o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas” e em dezembro de 2020 “Do Caos ao Recomeço”.

 

Compartilhe:

Posts Relacionados


O jeito português de trabalhar e fechar negócio

Quando pensamos em empreender em Portugal, muitos empresários brasileiros subestimam as dificuldades existentes neste processo.  Uma das primeiras perguntas que Read more

Cinco coisas que aprendi estando em Portugal

Costumo dizer que apenas quando mergulhamos em algo podemos realmente viver experiências e externar aprendizados. Não é possível dizer que Read more

Atlantic Hub: sua empresa em Portugal

Muitos empresários estão em busca pela internacionalização de empresas como uma saída para dar um novo passo com o seu Read more

Áreas em ascensão para empreender em Portugal

Muito falamos aqui sobre empreender em Portugal e como o país está de portas abertas para estrangeiro. E a verdade Read more