Atlantic Connection – Painel 8 – Conexão Portugal Brasil

Tempo estimado de Leitura: 3min

Postado em 10 de dezembro de 2021 / ,
Compartilhe:

 

Armando Abreu, Presidente da Federação das Câmaras Portuguesas, e Francisco Costa, Presidente da aicep (Agência para o Investimento do Comércio Externo de Portugal), apresentaram o painel Conexão Portugal Brasil, com ênfase na importância das instituições que promovem o intercâmbio comercial entre Brasil e Portugal e dinamizam os negócios entre eles.

“Nem sempre Portugal e Brasil estão vivendo o mesmo momento econômico e muitas vezes um país está melhor do que o outro. Nos últimos anos aumentou muito a procura principalmente de empresários brasileiros interessados em investir em Portugal”, afirma Armando Abreu.

Portugal é uma porta de entrada para a Europa e o empresário brasileiro que validar o seu negócio por lá tem a possibilidade de vender para mais de 500 milhões de pessoas.

O trabalho das Câmaras portuguesas no Brasil fomenta essa conexão e apresenta, por exemplo, quais as melhores regiões para determinado empreendimento se instalar.

“A diretora geral da Câmara Portuguesa em Portugal me ajudou muito na época em que decidi empreender em Portugal, portanto procure a câmara da tua região se você deseja se instalar no país”, conta Eduardo Migliorelli.

A aicep auxilia empresários portugueses na internacionalização de seus negócios em toda a jornada, verificando as oportunidades de negócios no mundo, além de captar investimentos para Portugal como no caso de brasileiros que pretendem investir.

Francisco explica que as pessoas chegam à aicep de maneira orgânica ou pelas redes sociais, pois a instituição está vinculada ao governo português e, sobretudo, pelas câmaras de comércio portuguesas que estão presentes em 18 estados brasileiros.

Para o empresário estar melhor preparado para desembarcar no ecossistema português é importante ter foco no setor e na atividade desejada. O ideal é que se procure a câmara ou a aicep para receber as informações essenciais para viabilizar o investimento.

“O empresário pode contar com as linhas de financiamento disponíveis e os programas de incentivo como Portugal 2030 e o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR)”, informa Francisco Costa.

 

Compartilhe:

Posts Relacionados


Visto D2 para empreendedores em Portugal: o que é e como adquirir

Se você quer abrir uma empresa em Portugal ou quer trabalhar no país como autônomo, saiba que existe uma possibilidade: Read more

Agências de Publicidade: do Brasil para o mundo

Basta realizar uma busca nos sites de emprego para verificar que há muitas vagas em agências de publicidade para os Read more

Atlantic Station: o ponto de partida para a internacionalização da sua empresa

O ano de 2011 foi marcante para Portugal. Foi quando o país sofreu uma de suas piores crises, mas também Read more

Os 10 erros mais comuns em um processo de internacionalização

Ao longo dos últimos oito anos, estudamos e apoiamos centenas de empresas no processo de internacionalização.  Acreditamos que internacionalizar é Read more