Como nasceu o Atlantic Connection e os impactos para os empresários

Tempo estimado de Leitura: 9min

Postado em 28 de junho de 2022 /
Compartilhe:

No artigo de hoje, vamos trazer para você um pouco de como nasceu o Atlantic Connection e quais são os seus impactos para os empresários.

Quando começamos com a Atlantic Hub, percebemos logo de início que para os brasileiros, Portugal tinha o seu espaço muito bem reservado.

Seja pela raiz histórica, presença dos descendentes ou ainda pela gastronomia que quase sempre é onipresente no Brasil, que  não nos deixa esquecer dos sabores daquele país.

Bem, Eduardo Migliorelli em uma das suas vindas para o Brasil, uma vez que ele já residia em Portugal em conjunto comigo, apresentamos a Atlantic Hub para empresas em São Paulo. Vale lembrar que estou falando aqui de mais de seis anos atrás.

Comentamos com estes empresários, sobre todas as oportunidades que existiam em um processo de internacionalização por Portugal. Lembro da nossa sensação ao final de uma semana com dezenas de reuniões, em que ouvíamos dos empresários que eles mal conheciam Portugal.

Antes mesmo de o país se transformar no mais queridinho dos brasileiros, nós já abríamos caminhos para estes mesmos brasileiros terem solo fértil através dos nossos programas. 

Claro que as oportunidades existem, mas sem respeito e estratégia o caminho se torna mais difícil. Não podemos esquecer que em Portugal somos estrangeiros, por mais que este seja um país irmão. 

Desta semana com o Eduardo há anos atrás, surgiu em uma padaria de São Paulo uma ideia que transformaria nossa empresa.

Decidimos criar um evento que trouxesse o ecossistema de Portugal para o Brasil. Assim, quem realmente empreende e gera oportunidades em Portugal poderia apresentar aos brasileiros este ecossistema.

Governo de Portugal, órgãos de fomento, players de mercado, ecossistema Atlantic Hub, empreendedores e fundos de investimento. Esse foi apenas um flash de todos que fazem parte deste início, mas não se iluda, este ano estamos caminhando para nossa sexta edição

Sobre isso, tenho muito que contar para você. Vamos a isso! 

 

DA UNIVERSIDADE MAUÁ PARA O MUNDO! 

 

2017 foi o ano em que colocamos no ar a primeira edição do Atlantic Connection. Eduardo Migliorelli, formado na Universidade Mauá, retornava à sua casa.

Eu ministrava aula na Mauá, no curso de Pós Graduação. Não preciso dizer que este foi um evento incrível. Até hoje, quando vejo os vídeos que estão na mídia desta edição, fico emocionado.

Neste evento, literalmente colocamos Portugal no radar do ecossistema do Brasil. Mais de 100 pessoas e um incrível momento de premiação de empresas inovadoras trazia como ponto alto duas temáticas.

A primeira, é que realmente Portugal poderia ser a porta de entrada para empresas brasileiras. A segunda, apresentava o Web Summit aos brasileiros. 

Para você ter uma ideia, já levamos em missões para o Web Summit mais de 800 empresários brasileiros. 

 

 

Da universidade Mauá para o mundo, é assim que costumo dizer. Neste primeiro momento, construímos o maior evento de conexão entre Brasil e Portugal do mundo. 

Esse foi apenas o primeiro capítulo, como disse, neste ano chegamos a nossa sexta edição.

 

 

INVESTE SÃO PAULO, CIEE, CONSULADO PORTUGUÊS EM SÃO PAULO

 

Os anos que sucederam a primeira edição não foram menos impactantes. Em 2018, fizemos o evento no Investe São Paulo, com uma enorme feira de negócios. Aqui, mais de 300 empresários estiveram presentes em mais de seis horas de evento.  

Em 2019, fomos para o CIEE e tivemos nesta edição a maior presença de público. Batemos os 400 empresários em uma edição histórica presencial. 

A cada ano uma evolução nos painéis e temas, mas sempre com a presença dos melhores e mais consolidados players do mercado. 

Em 2020, nossa edição aconteceu mesmo com a pandemia em um evento online transmitido do nosso querido Consulado Português, em São Paulo.

O evento que marcou nossa entrada no mundo do streaming. Em 2021, sempre inovando, a edição do Atlantic Connection teve um gosto especial. 

Fizemos o evento misto, com um público seleto presencial, transmitido dos dois países. Do Brasil, Flávio Martins Peron, do Nacionalidade Portuguesa, importante parceiro nosso, transmitia o evento com todo o time do Consulado Português. 

Em Portugal, eu em nosso espaço Atlantic Station, transmitimos no Brasil nosso maior evento. Impactamos milhares de pessoas, rompemos barreiras e levamos para o mundo este evento que, como já dito, é o maior evento do mundo sobre o tema. 

 

ATLANTIC CONNECTION 2022, COLOQUE HOJE MESMO NA SUA AGENDA

 

A edição deste ano retoma seu formato presencial, sendo recebida por um espaço que é ícone da cultura portuguesa no Brasil.

Na Casa de Portugal, realizaremos no dia 12 de agosto de 2022  (sexta-feira)  a nossa sexta edição. Os números já são expressivos, uma vez que temos o maior número de patrocinadores em uma única edição já confirmados.

No palco, os maiores e melhores especialistas do mercado. Cases de internacionalização na prática, parceiros de negócios, órgãos de fomento e governos estarão conosco. 

Ícones do Brasil como o Sebrae e o Bossa Nova já confirmaram presença. Nosso Atlantic Connection torna-se, assim, um evento nacional e ganha a relevância que merece. 

Tenha uma única certeza em sua mente: se Portugal é interessante para você, se investir neste país faz sentido para você, se morar em terras portuguesas é um desejo para você e caso o tema internacionalização de empresas seja algo que você procura, este é o evento.

Gratuito para o grande público, temos mais de cinco horas de conteúdo exclusivo no presencial. Ele não será transmitido online

Você não pode ficar fora deste momento de disrupção do mercado. O Atlantic Connection 2022 é o maior evento do mundo sobre o tema internacionalização por Portugal.

Pensou em Portugal, esse é o lugar!  

Como fazer parte? Entre no link abaixo e faça agora mesmo sua inscrição:

https://materiais.atlantichub.com/atlantic-connection-2022 

 

 

 

Sobre o autor,

Benício Filho – Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC SP, com MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pós-graduado em Vendas pelo Instituto Venda Mais, Mestrando pela Universidade Metodista de São Paulo na área de Educação e pós-graduado em Psicanálise pelo Instituto Kadmon de Psicanálise. Atualmente também está concluindo o curso de bacharelado em Filosofia pela universidade Salesiana Dom Bosco. Atua no mercado de tecnologia desde 1998. Fundador do Grupo Ravel de Tecnologia, Cofundador dá Palestras & Conteúdo, Sócio da Core Angels (Fundo de Investimento Internacional para Startups), sócio fundador da Agência Incandescente, sócio fundador do Conexão Europa e da Atlantic Hub (Empresa de Internacionalização de Negócios em Portugal), atua também como Mentor e Investidor Anjo de inúmeras Startups (onde possui cerca de 30 Startups em seu Portfólio), além de participar de programas de aceleração como SEBRAE Capital Empreendedor, SEBRAE Like a Boss, Inovativa (Governo Federal) entre outros. Palestrando desde 2016 sobre temas como Cultura de Inovação, Cultura de Startups, Liderança, Empreendedorismo, Vendas, Espiritualidade e Essência, já esteve presente em mais de 230 eventos (número atualizado em dezembro de 2020). É conselheiro do ITESCS (Instituto de Tecnologia de São Caetano do Sul), bem como em outras empresas e associações. Lançou em dezembro de 2019 o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas” e em dezembro de 2020 “Do Caos ao Recomeço”.

Compartilhe:

Posts Relacionados


O futuro é agora! Um olhar para 2023

Insisto em muitos artigos que escrevo que jamais devemos ficar olhando o futuro em detrimento do presente. Se o passado Read more

Investir em Portugal: como minimizar riscos

Nos últimos anos, investir em Portugal tem atraído um número crescente de particulares e empresas que escolhem o nosso país Read more

Missão Web Summit e nossa imersão em Portugal com o Sebrae

Há pelo menos quinze anos tenho atuado com o Sebrae em diversos programas pelo Brasil. Tenho a grata satisfação de Read more

Expectativas para a economia portuguesa em 2023

  A economia portuguesa em 2022 cresceu acima da média na Europa, esse poderia ser um bom viés para 2023, Read more