A era do trabalho híbrido e flexível

Tempo estimado de Leitura: 7min

Postado em 23 de janeiro de 2023 / , , ,
Compartilhe:

Há alguns anos, principalmente antes do início da pandemia, o trabalho híbrido e flexível era apenas um sonho imaginário para muitos profissionais.

Porém, com as mudanças no mercado de trabalho, as empresas começaram a enxergar algumas vantagens de oferecer flexibilidade aos seus colaboradores.

Para entendermos melhor o trabalho híbrido e flexível, é preciso contextualizar o momento que estamos vivendo. Primeiro, precisamos lembrar que as tecnologias dominaram todas as empresas e mudaram a rotina de milhares de trabalhadores. 

Além disso, houve mudanças na cultura das empresas que passaram a valorizar mais os colaboradores, priorizando o bem-estar e a qualidade de vida.

Com essas transformações no dia a dia de trabalho, as instituições passaram a perceber que cada indivíduo possui perfis diferentes e formatos distintos de trabalhar, impactando a criatividade e a produção individual. 

A princípio, as startups e empresas de tecnologias mais novas começaram a perceber que o velho modelo de trabalho consegue aproveitar o melhor de cada colaborador. 

Hoje, vemos profissionais que não se enxergam mais trabalhando no modelo 100% presencial, mas sabemos que nada se compara ao nível de criatividade e colaboração que surge quando as pessoas entram em uma sala juntas para resolver problemas ou criar novas ideias de negócios, o que deu origem ao modelo de trabalho híbrido.

 

A nova era do trabalho

Durante décadas, a experiência de locação de escritórios permaneceu inalterada. Entrar em contato com um proprietário, assinar um contrato de longo prazo, pagar aluguel durante anos e aguardar uma oportunidade de ajustar seu espaço ou os termos do contrato. 

Porém, com o surgimento do espaço de trabalho flexível e avanços dos recursos digitais, a maneira de trabalhar não é mais a mesma para todos os casos.  

Acelerados pela pandemia, empresas e funcionários atingiram um ponto de inflexão na nova definição de como o mundo trabalha. Conforme navegamos pela adoção do modelo de trabalho híbrido, é indiscutível que as necessidades e expectativas de funcionários e de empregadores mudaram — e continuam mudando — rapidamente. Em Portugal, não foi diferente! 

A mudança é comparável com a evolução do varejo e e-commerce, quando avanços na tecnologia colocaram os consumidores no controle de como e onde fazem compras. Mais do que nunca, a tecnologia empodera o indivíduo.

 

Vantagens do trabalho híbrido

Quais são as vantagens dessa modalidade de trabalho que oferece flexibilidade aos empregados. Veja a seguir:

  • Maior satisfação do funcionário: Sem dúvida, o trabalho flexível oferece maior satisfação ao colaborador, já que a empresa lhe concede autonomia e confiança. O profissional enxerga a valorização que a instituição possui ao oferecer liberdade para expor suas opiniões e tomar decisões.
  • Concilia a vida pessoal e profissional: Poder conciliar a vida pessoal e profissional é uma das maiores vantagens do trabalho híbrido. Ao poder autogerir e administrar o seu tempo, os trabalhadores do modelo flexível podem se dedicar a outras tarefas pessoais ou profissionais, como especializações e estudos.
  • Aumenta a produtividade: Por conta da flexibilidade na carga horária, na jornada de trabalho, na localização da realização das tarefas, na flexibilização hierárquica ou na diferenciação de delegação de tarefas de acordo com o perfil, o funcionário elimina o estresse, trabalha sem pressão e foca nas entregas das suas tarefas. Consequentemente, seu engajamento e motivação aumentam, convertendo em produtividade no dia a dia.
  • Reduz faltas, atrasos e custos: No trabalho híbrido, as faltas e atrasos no trabalho são menos frequentes, já que não existem os problemas de deslocamento e cumprimento de horários, por exemplo. Além disso, é possível diminuir os gastos com transporte e alimentação para o trabalhador, assim como a diminuição de custos para as empresas.

 

Soluções ideais para todos

Os funcionários já decidiram: eles querem uma melhor qualidade de vida, e isso significa ter flexibilidade para trabalhar onde e quando quiserem. As empresas estão inventando suas próprias estratégias de trabalho híbrido para tornar esse desejo realidade.

O Atlantic Station é um grande parceiro nesta evolução. Localizado no Edu Hub em Lisboa, o Atlantic Station é um Hub de Inovação que gera conexões entre os atores dos ecossistemas brasileiro e europeu.

Em um ambiente plural: startups, grandes empresas, fundos de investimento, mentores e as universidades trocam experiências, geram negócios e cocriam novas soluções. 

O Atlantic Station conta com o Atlantic LAB, que coloca empresários em contato com startups portuguesas e auxilia empreendedores a internacionalizarem suas empresas através de um programa para startups, acelerando projetos por meio da inovação aberta, aumentando a eficiência dos processos de desenvolvimento e inovação dentro das organizações.

A comunidade conta com escritórios virtuais e presenciais com posições fixas e variáveis, estúdio e happy hours para a integração de times e startups!

Faça parte do Atlantic Station para se conectar ao ecossistema de inovação da europa! Acesse o site para entrar em contato.

Sobre o autor,

Benício Filho – Formado em eletrônica, graduado em Teologia pela PUC SP, e Filosofia pela universidade Dom Bosco, Mestre pela Universidade Metodista de São Paulo na área de Educação, MBA pela FGV em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios, pós-graduado em Psicanálise pelo Instituto Kadmon de Psicanálise. Atua no mercado de tecnologia desde 1998. Fundador do Grupo Ravel de Tecnologia, Sócio da Core Angels Atlantic (Fundo de Investimento Internacional para Startups), sócio fundador da Agência Black Beans, e sócio fundador da Atlantic Hub e do Conexão Europa Imóveis ambos em Portugal, atua como empresário, escritor e pesquisador das áreas de empreendedorismo, mentoring, liderança, inovação e internacionalização. Em dezembro de 2019, lançou o seu primeiro livro “Vidas Ressignificadas”, em dezembro de 2020 seu segundo “Do Caos ao Recomeço”, e em janeiro de 2022 o último publicado “ Metamorfose Empreendedora”.

Compartilhe:

Posts Relacionados


Conheça a cidade do Porto, em Portugal

A cidade do Porto é um belo destino do norte de Portugal, repleta de atrações, igrejas, monumentos e belas paisagens Read more

Como abrir uma empresa em 2022

Muitos brasileiros planejam abrir uma pequena empresa em Portugal, como forma de garantir seu sustento e de obter um visto Read more

O Agro é um bom Negócio em Portugal?

O segmento do agronegócio em Portugal representa uma boa oportunidade de negócio para empresários brasileiros? Neste artigo, discutimos este segmento Read more

Segmentos inusitados: O mercado de mel e própolis em Portugal

Podemos internacionalizar produtos genuinamente brasileiros para Portugal? Aprofundo o mercado de mel e própolis para a Europa a partir de Read more